SOLUÇÕES EM MADEIRA

Conheça a Conserve

Fundada em 1997, a empresa Lussana Materiais de Construção Ltda, sediada na Praia Paraíso no município de Torres/RS, começou seu ramo de atividades na área de materiais de construção.

Sempre oferecendo o melhor para seus clientes sem prejudicar o meio ambiente. Pensando nisso, no ano de 2006 começou a comercializar madeiras tratadas em auto clave (eucalipto e pinus).

Em 2010, abre sua própria Usina de Preservação de Madeiras, a CONSERVE TRATAMENTO DE MADEIRAS, localizada na Estrada da Perua, em Osório/RS.

Nossa meta é crescer cada vez mais na qualidade, através de nossos produtos e serviços prestados e nunca esquecer de respeitar o meio ambiente e contribuir para o bem estar de todos.

Principais Soluções

Veja abaixo nossas principais soluções. Para ver nossa linha completa de produtos, serviços e projetos utilize os links Produtos e Projetos do menu.

Pergolados e Decks

Construímos pergolados e decks sob medida.

Tratamento de Madeira

Trabalhamos com madeiras tratadas em Autoclave.

Casas de Madeira Tratada

Casas aconchegantes com madeiras de excelente qualidade.

Móveis Rústicos

Construímos móveis rústicos sob encomenda.

Na indústria madeireira, a preservação de madeiras é definida, basicamente, como o conjunto de produtos, métodos, técnicas e pesquisas destinadas a alterar, medir ou estudar a durabilidade da madeira. Através  da aplicação de produtos químicos, visa-se impedir a degradação física, química ou, principalmente, a deterioração biológica do material lenhoso.

Diante desse contexto,  a preservação química é a forma mais comum e eficiente na prevenção por ataque biológico.

A madeira preservada sob pressão  com o agente químico CCA é uma alternativa  ecológica e responsável para a construção civil e a agricultura.

Quando o processo industrial de preservação é realizado corretamente, de acordo com as recomendações do responsável técnico, as peças tratadas são limpas, inodoras e seguras para serem utilizadas numa ampla variedade de aplicações.

A madeira tratada, tanto de eucalipto quanto de pinus, apresenta grande durabilidade. Este fator é diretamente dependente da aplicação e/ou destino que se dá a peça.
Respeitando-se os fatores técnicos na preservação da madeira, a sua secagem e cura, aliados a aplicação consciente e responsável da madeira tratada, sua durabilidade pode variar entre 10 e 30 anos.
No entanto, é de suma importância destacar que a madeira preservada em autoclave está imunizada de agentes xilófagos e fungos de apodrecimento, ou seja, contra agentes biológicos.

A madeira preservada não solta produtos ou vapores tóxicos se for lavada ou aquecida, mas pode se tornar tóxica quando, inadvertidamente, for consumida por via direta ou indireta.

Para isso, seguem algumas recomendações importantes:

– Não usar madeira tratada sob nenhuma circunstância onde partículas de madeira possam tornar-se componentes da comida ou ração animal, como tábuas de cortar carne, talheres de madeira, palitos, cochos para animais, tonéis, revestimento interno de solos.

– Não queimar a madeira tratada em churrasqueiras, lareiras, fornos de comida ou aquecedores residenciais. Quando queimada, a madeira tratada pode desprender produtos tóxicos na fumaça e nas cinzas.

– A madeira tratada pode ser utilizada em ambientes internos de residências, sendo que, toda serragem e fiapos de madeira sejam limpos após o acabamento da peça.

– Evitar inalação frequente ou prolongada de poeira de madeira tratada. Usar máscaras quando lixar ou serrar as peças de madeira.

– Após o trabalho com madeira tratada, sempre lavar bem as mãos e o rosto quando comer, beber ou fumar.

Respeitando todas as orientações, a madeira tratada é  a melhor alternativa e a mais duradoura para você realizar sua construção, cultura agrícola, área de lazer, etc.
A madeira tratada da Conserve é  renovável, sustentável  e respeitosa com o meio ambiente e com você,  nosso cliente.

Últimos Posts

CONHEÇA NOSSA LINHA COMPLETA DE PRODUTOS

Ver Produtos

Contato

Quer saber mais sobre a Conserve? Entre em contato agora mesmo.